História do Comércio do Centro de São Paulo: A.J. Mauricio Pereira

Website de Mônica Yamagawa

A.J. MAURICIO PEREIRA

rua da freira, 17

história do comércio do centro de são paulo

atualizado em: 5 de maio de 2018

 

home > centro de são paulo > história do comércio > J. MAURICIO PEREIRA

"A. J. MAURICIO PEREIRA, (rua da Freira, 17) delegado da companhia Luzo-Brazileira, de agencia, encarrega-se de fazer promover negocios amigaveis ou judiciaes e pesquizas em qualquer parte do Brazil, e Portugal, assim como em geral dos que forem dependentes da Curia Romana."

[Correio Paulistano, Anno II, Número 354: 11 de janeiro de 1856.]

 

[+] Outros estabelecimentos comerciais que fizeram parte da História do Centro de São Paulo

 

CENTRO DE SÃO PAULO


Presenca Portuguesa Em Sao Paulo

Sonia Maria de Freitas
Imesp
2006

A Presença Portuguesa em São Paulo, livro da historiadora Sônia Maria de Freitas, reconstitui a saga dos imigrantes portugueses para o Estado de São Paulo. Com linguagem direta e abrangente, apresenta a história e a memória deste grupo étnico, de forma inédita, e traça um perfil da comunidade portuguesa nos dias atuais. Ilustrado com 200 fotografias de época, documentos, gráficos, tabelas, 38 biografias de personalidades do meio artístico e cultural, empresários, comerciantes, operários, presidentes de entidades...[+]

 

Vida Cotidiana em São Paulo no Século XIX. Memórias, Depoimentos, Evocações

Carlos E.M. de Moura
Edusp
2013

Os escritos selecionados para este livro apresentam a cidade de São Paulo no momento de transição entre a pequena vila dedicada à subsistência e a prosperidade decorrente do cultivo do café. São escritos diversos, como memórias, depoimentos, evocações, peças de teatro, que procuram reconstituir os contornos da cidade e de sua província. Os variados depoimentos oferecem um quadro da vida paulista, observada a partir de diversos ângulos e interesses, e deles emerge uma visão abrangente do cotidiano na cidade e no campo, observado por contemporâneos que o vivenciaram. A coletânea conta com textos de Aluísio de Almeida, D. Maria Paes de Barros, o Diário da Princesa Isabel, duas peças de teatro de autores paulistas, acompanhados de comentários d e especialistas, e de um levantamento iconográfico de autoria do organizador, composto de desenhos e aquarelas de viajantes que aqui estiveram na primeira metade do século XIX...[+]

 

home      moyarte      não-diário      contato