Moyarte. Mônica Yamagawa.
Mônica Yamagawa
Home: página inicialMoyarte: perfil no FacebookMoyarte: perfil no InstagramMoyarte: perfil no Twitter
contato@moyarte.com.br

Centro de São Paulo

rua direita

logradouros do centro de são paulo

atualizado em: 26 de setembro de 2021

 

home > logradouros > Rua Direita

Um das mais antigas ruas de São Paulo, foi aberta no século XVI. Inicialmente, começava no Largo da Sé e em direção ao "Piques" (atual Ladeira da Memória e Praça da Bandeira). Registros de sua existência aparecem nos documentos da vila em 1638, quando era conhecida como "Rua que vai para Santo Antônio" (Igreja de Santo Antonio, na atual Praça do Patriarca).

Posteriormente, era chamada de "Rua Direita da Misericórdia para Santo Antônio" (referências a Igreja de Santo Antônio e a Igreja da Misericórdia - demolida). A expressão "direita" está relacionada com a tradição portuguesa de batizar as ruas começando com a "rua à direita da porta principal de cada templo".

No dia 11 de dezembro de 1891, os vereadores mudaram o nome de "Rua Direita" para "Rua D. Pedro de Alcântara", mas, a decisão durou muito pouco, em 18 de dezembro de 1891, tal decisão foi anulada.

Anos depois, em 12 de março de 1897, a Câmara Municipal mudou o nome da rua para "Rua Marechal Floriano Peixoto", porém, anos depois, o nome "Rua Direita" foi restaurada (28 de agosto de 1899).

 

Como citar essa página em seu artigo acadêmico:

YAMAGAWA, Mônica. Rua Direita - Logradouros do Centro de São Paulo. Moyarte. Disponível em: <http://www.moyarte.com.br/centro-de-sao-paulo/logradouros/indice-logradouros.html>. Acesso em: 23 Set. 2021.
[Em "Acesso em", indicar a data de consulta, data de acesso ao site].

 

[+] conheça a história de outros logradouros do centro de
são paulo

 

1828

Rua Direita: uma morada de casas de 2 lanços de paredes de taipas, esquina com "os quatro cantos" (atual região da Praça do Patriarca) é colocada à venda.

Rua Direita, n.2: no local, no dia 9 de dezembro, foi realizado um leilão de pequena porção de fazendas secas e molhadas (O Farol Paulistano, n.170, 6 de dezembro de 1828).

Rua Direita, n.20: estabelecimento vendendo farinha.

Rua Direita, n.45: Casa do Coronel Francisco Ignacio de Souza Queiróz (O Farol Paulistano, n.97, 19 de março de 1828).

Rua Direita, n.46: Padaria Franceza (Claudio Legussat).

Rua Direita: estabelecimento, "loge" de ferragem, venda de mapas.

 


1829

Rua Direita: morava nesse logradouro Manoel Ferraz Cantinho (? Cantinhe) [O Farol Paulistano, n.181, 17 de janeiro de 1829].

Rua Direita: morava a viúva do Dr. Manoel Eufrazio de Azevedo Marques [O Farol Paulistano, n. 191, 21 de fevereiro de 1829].

Rua Direita, n.1: endereço para entrega de uma jóia, uma alfinete, perdido na cidade. [O Farol Paulistano, n.218, 30 de maio de 1829]

Rua Direita, n.2: Loja de Brodard, Domère e Grand-Jean.

Rua Direita, n.7: "Loje" de Fazendas (ao pé do Largo de Chafariz). [O Farol Paulistano, n.239, 19 de agosto de 1829]

Rua Direita, n.45: endereço da casa do Coronel Francisco Ignacio de Sousa Queiroz. [O Farol Paulistano, n.229, 15 de julho de 1829]

 


1830

Rua Direita: endereço da residência Joaquim Lopes Guimarães, de acordo com anúncio de jornal [O Farol Paulistano, n.301, 28 Jan. 1830].

Rua Direita, n.2: Loja de Brodard, Domère e Grand-Jean.

Rua Direita, n.45: Casa de Antonio Moreira da Cruz.

 


1840

Rua Direita, n.1 e n.6: casa de Antonio Moreira da Cruz.

 


1854

Rua Direita, n.1: anúncio sobre venda de escrava. [CORREIO PAULISTANO, n.26, 26 Jul. 1854].

Rua Direira, n.3: Livraria.

Rua Direira, n.22: Cassino Paulistano.

Rua Direita, n.28: anúncio de venda cavalos [CORREIO PAULISTANO, n.5, 1 Jul. 1854]; anúncio de venda de escravo [CORREIO PAULISTANO, n.23, 22 Jul. 1854.]

Rua Direita, n.45: Coelho & Teixeira - loja de fazendas.

 


1855

Rua Direita, n.31: Curso Elementar de Bellas Letras.

 


1856

Rua Direita: Coelho & Marques Ferraria.

Rua Direita, n. 22: casa de Antonio Bernardo Quartim.

Rua Direita, n. 22: mudança de endereço, em agosto, do Curso Elementar de Bellas Letras.

Rua Direita, n. 31: funcionava o Curso Elementar de Bellas Letras.

Rua Direita, n.44: casa/estabelecimento de Moreira etc. Santos, registrado no Almanak S.Paulo para 1857, como Loja de Ferragens.

 


1857

Rua Direita, n.47: José Antonio Coelho, ex-sócio de Coelho & Teixeira

Rua Direita: endereço de Antonio Ferreira Barbosa, alfaiate.

Rua Direita: endereço de Antonio Moreira da Cruz, Loja de Fazendas.

Rua Direita: endereço de Antonio Teixeira de Carvalho, Loja de Fazendas, Loja de Ferragens.

Rua Direita: endereço de Augusto Masseran, dentista.

Rua Direita: endereço de Barão de Iguape, provedor da Santa Casa de Misericórdia.

Rua Direita: endereço de Barão do Tietê, deputado da Assembleia Provincial, diretor da Caixa Filial do Banco do Brasil, ministro da Irmandade da Ordem Terceira de São Francisco, provedor da Irmandade de Nossa Senhora da Consolação e São João Baptista (Almanak/1857), 2o. vice-presidente da Província.

Rua Direita: endereço de Charles André, Barbeiros e Sangradores, desenha com cabelos, cabeleleiros e entraçadores.

Rua Direita: endereço de Claudio José Pereira, Tenente-coronel comandante do 1o. Batalhão da Infantaria.

Rua Direita: Coelho & Marques, Loja de Ferragens.

Rua Direita: endereço de Collégio de Dona Rita Leopoldina da Silva.

Rua Direita: endereço de Collégio Sant'anna.

Rua Direita: endereço de Curso Elementar de Bellas Lettras.

Rua Direita: endereço de Feliz Lecointe, Abridores em Metais.

Rua Direita: endereço de Francisca Victoria Mendes da Silva, ministra da Irmandade da Ordem Terceira de São Francisco (Almanak/1857).

Rua Direita: endereço de Francisco Antonio de Camargo, Loja de Fazendas.

Rua Direita: endereço de Francisco Garcia Ferreira, suplente da Polícia, 7o. vereador da Camara Municipal da Capital, 1o. tenente da Freguesia do Bráz (juiz de paz), diretor suplente da Caixa Filial do Banco do Brasil, tesoureiro da Irmandade de Nossa Senhora da Consolação e São João Baptista.

Rua Direita: endereço de Francisco José de Lima, secretário da Secretaria do Governo (Almanak/1857).

Rua Direita: endereço de Francisco José Dias Leite, Loja de Fazendas.

Rua Direita: endereço de Francisco Leandro de Toledo, 5o. vereador da Camara Municipal da Capital, advogado

Rua Direita: Guilherme Ellis.

Rua Direita: endereço de Ignácio José de Araújo, deputado da Assembléia Provincial, Coronel commandante superior, do Commando Superior da Capital, Guarda Nacional, Loja de Ferragens.

Rua Direita: endereço de João Alves Pinheiro, Armazém de Molhados e Generos da Terra.

Rua Direita: endereço de João José de Camargo, capitão da 2a. companhia do 1o. batalhão da Reserva, Loja de Fazendas.

Rua Direita: Dr. João Thomaz de Mello.

Rua Direita: endereço de Joaquim da Cunha Carvalho, professor de música, Armazém de Molhados e Generos da Terra.

Rua Direita: endereço de Joaquim José Coelho, Capitão da 1a. Companhia, do 1o. Esquadrão da Cavallaria.

Rua Direita: endereço de Joaquim José de Souza Bastos, Loja de Fazendas.

Rua Direita: endereço de José Cardozo Espindola, alfaiate.

Rua Direita: endereço de José Elias de Paiva, tenente-quartel-mestre do 1o. Batalhão da Infantaria.

Rua Direita: endereço de José Ignácio de Araújo, deputado da Assembleia Provincial (Almanak/1857).

Rua Direita: endereço de José Moreira da Cruz, dito porta-bandeira do 1o. Batalhão da Infantaria.

Rua Direita: endereço de José Roberto de Carvalho e Abreu, alfaiate.

Rua Direita: endereço de Lourenço José Corrêa Guimarães, procurador da Mesa da Irmandade do S.S. Sacramento, Loja de Ferragens.

Rua Direita: endereço de Luiza Eufrozina Quartim de Paiva.

Rua Direita: endereço de Manoel Antonio Bitancourt, irmaõ de mesa da Irmandade de São Jorge, Loja de Fazendas.

Rua Direita: endereço de Manoel Joaquim da Costa e Silva, Loja de Fazendas.

Rua Direita: endereço de Manoel José de Azevedo, Armazém de Molhados e Generos da Terra.

Rua Direita: endereço de Maria Clara Lara.

Rua Direita: endereço de Nicolao Pereira de Campos Vergueiro

Rua Direita: endereço de Sampaio & Cia, Loja de Fazendas

Rua Direita: endereço de Theodoro Wille, Loja de Fazendas (atacado)

 




1864

Rua Direita, n.11: J.S. Neves [CORREIO PAULISTANO, n.2497, 15 Set. 1864].

Rua Direita, n.17: casa dos senhores Adolfo Kiiker e Fischer. Local para adquirir os bilhetes para Santos, Através da Diligencia Progresso Paulista.

Rua Direita, n.18: endereço do Dr. Germano Frederico Borghoff.

Rua Direita, n.42: Depósito de calçados de Siré Irmãos / Ao Mais Barato.

 


1865

Rua Direita, n.13: Depósito de calçados de Siré Irmãos / Ao Mais Barato. (a partir de setembro).

Rua Direita, n.15: Typographia Allemã, de H. Schoroeder, onde era impresso o periódico "O Diário de S.Paulo".

Rua Direita, n.17: Fábrica de Chapéus. [Diário de S.Paulo, Anno I, Número 7: 8 de agosto de 1865]. No local, no mês de agosto, estavam disponíveis os bilhetes para a "Diligencia Progresso Paulista". (No ano anterior o local foi descrito como casa dos senhores Adolfo Kiiker e Fischer).

Rua Direita, n.42: Depósito de calçados de Siré Irmãos / Ao Mais Barato.

 


1866

Rua Direita, n.13: Depósito de calçados de Siré Irmãos / Ao Mais Barato. (a partir de setembro).

Rua Direita, n.23: Cirurgião dentista Luiz Gomes Vieira da Silva - [Diário de S.Paulo, n.171, 3 de março de 1866]

Rua Direita, n.32: Escritório do jornal "Diário de S.Paulo [Diário de S.Paulo, n.171, 3 de março de 1866]

Rua Direita, n.38: consultório do Dr. Germano Frederico Borghoff.

Rua Direita, n.50: Casa de Branco etc. Irmão, loja de fazendas e ferragens - [Diário de S.Paulo, n.171, 3 de março de 1866]

 


1867

Rua Direita, n.38: ourives Andreas Lanzanyi (a partir de junho). Na parte superior do sobrado funconava o consultório do Dr. Germano Frederico Borghoff.

Rua Direita, n.40: loja de fazendas onde era comercializada uma das publicações de Antonio Maria Chaves e Mello.

Rua Direita, n.42: ourives Andreas Lanzanyi (antes de junho).

 


1868

Rua Direita, n.28: Residência de Ernst (Ernesto) Steidel.

 


1869

Rua Direita, n.46: Dr. Theodoro Reichert.

 


1872

Rua Direita, n.1: endereço do Barão do Tietê, José Manoel da Silva - [Almanak da Província de São Paulo Para 1873]

Rua Direita, n.19: endereço do Bacharel Dr. Pedro Vicente de Azevedo, deputado da Assembléia Providencial, Procurador Fiscal da Provincia - [Almanak da Província de São Paulo Para 1873]

Rua Direita, n.19: endereço do Encarregado da Inspeção dos Recrutas, Dr. Luiz Lopes Baptista dos Anjos - [Almanak da Província de São Paulo Para 1873]

Rua Direita, n.33: endereço do Barão de Iguape, Antônio da Silva Prado - [Almanak da Província de São Paulo Para 1873]

Rua Direita, n.41: endereço de Dr. José Maria Corrêa de Sá Benevides - [Almanak da Província de São Paulo Para 1873]

Rua Direita: endereço de Antônio Alves Pereira, Chefe da 1a. Seção da Contadoria do Thesouro Provincial - [Almanak da Província de São Paulo Para 1873]

 


1891

11 de dezembro: os vereadores mudaram o nome de "Rua Direita" para "Rua D. Pedro de Alcântara", mas, a decisão durou muito pouco.

18 de dezembro: a decisão de mudar o nome para "Rua D. Pedro de Alcântara" foi anulada.

 


1896

Rua Direta, n.9: Arens Irmãos.

 


1897

12 de março: a Câmara Municipal mudou o nome da rua para "Rua Marechal Floriano Peixoto"

 

Rua Direita, n.7-A: Conrado Sorgenicht & Cia.

Rua Direta, n.9: Arens Irmãos.

 


1899

28 de agosto: o nome da rua foi restaurado para "Rua Direita"

 


1900

Rua Direita, n.4: Estabelecimento Braço de Ouro, de Fonseca & Pereira (Correio Paulistano, número 13.064).

Rua Direita, n.20: Estabelecimento de Judée Filhos (Correio Paulistano, número 13.064).

Rua Direta, n.55-C: Depósito do Café Periquito (Correio Paulistano, número 13.064).

Rua Direita, n.61: Café Viaducto (Cafe S.Paulo - Bar Viaducto).

 


1911

Rua Direita, n.1 e n.3: Baruel & Cia.

Rua Direta, n.2: Casa Lebre.

Rua Direita, n.10-A: Grande Typographia - Espindola & Comp.

Rua Direita, n.16, n.18, n.20: Casa Allemã.

Rua Direita, n.48: Casa Fernando.

Rua Direita, n.61: Cafe S.Paulo.

Rua Direita, n.61: Bar Viaducto.

 


1914

Rua Direita, n. 8-A: A Cigarra (revista).

Rua Direita, n. 8-A: The Berlitz School of Languages.

Rua Direita, n.26: no 1o. andar funcionava "A Equitativa dos E.U. do Brasil" (sociedade de seguros mutuos sobre a vida, marítimos e terrestres.

 


1914

Rua Direita, n. 8-A: The Berlitz School of Languages.

 


1915

Rua Direita, n. 8-A: The Berlitz School of Languages.

 


1916

Rua Direita, n. 8-A: The Berlitz School of Languages.

 


1917

Rua Direita, n. 8-A: The Berlitz School of Languages.

 


1918

Rua Direita, n. 8-A: The Berlitz School of Languages.

 


1919

Rua Direita, n. 8-A: The Berlitz School of Languages.

 


1920

Rua Direita, n. 8-A: The Berlitz School of Languages.

 


1921

Rua Direita, n. 8-A: The Berlitz School of Languages.

 

 

[+] conheça a história de outros logradouros do centro de
são paulo

 

 

referências bibliográficas

DICIONÁRIO DE RUAS. Arquivo Histórico Municipal de São Paulo. Disponível em: <https://dicionarioderuas.prefeitura.sp.gov.br/>. Acesso em: 12 Out. 2020.

PORTO, Antônio Rodrigues. História da cidade de São Paulo através de suas ruas. 2ª. Edição. São Paulo: Carthago, 1996.

PORTO, Antônio Rodrigues. História Urbanística da cidade de São Paulo (1554 a 1988). São Paulo: Carthago, 1992.

 

 

dicionário do centro de são paulo

[clique nas letras para acessar a listagem de verbetes disponíveis]

 

A

B

C

D

E

F

G

H

I

J

K

L

M

N

O

P

Q

R

S

T

U

V

W

X

Y

Z

 

 

história do centro de são paulo: cronologia

Informações sobre a história do Centro de São Paulo organizadas por séculos e divididas por décadas para facilitar a pesquisa.

[+] leia mais

história do comércio do centro de são paulo

Informações sobre estabelecimentos comerciais, bancários, educacionais e outros relacionados ao setor terciário, que existiram no Centro de São Paulo, assim como, estabelecimentos históricos que ainda funcionam na região.

[+] leia mais

dicionário online sobre o centro de são paulo

Verbetes sobre o Centro de São Paulo: moradores, estabelecimentos comerciais, edificações, entre outros.

[+] leia mais

história dos logradouros do centro de são paulo

Informações sobre os logradouros localizados no Centro de São Paulo, incluindo os que desapareceram com as alterações urbanas realizadas desde a fundação da cidade.

[+] leia mais

biblioteca online sobre o centro de são paulo

Indicações de livros, artigos, sites, vídeos sobre o Centro de São Paulo.

[+] leia mais

patrimônio cultural do centro de são paulo

Informações sobre bens tombados, legislação, tombamento do Iphan, Condephaat e Conpresp. Notícias sobre os bens tombados. Projetos de requalificação urbana e preservação do patrimônio cultural tombado.

[+] leia mais

home            sobre o moyarte            contato