Texto e Fotografias de Mônica Yamagawa


centro de são paulo


história da arte


mundo digital


patrimônio cultural

CENTRO DE SÃO PAULO

CASA LEVY DE PIANOS

história do comércio do
centro de são paulo

atualizado em: 1 de novembro de 2016

 

home > centro de são paulo > CASA LEVY DE PIANOS

Segundo Heloisa Barbuy, em "A Cidade-Exposição: comércio e cosmopolitismo em São Paulo, 1860 - 1914", em agosto de 1857, em anúncio no Correio Paulistano, Henrique Luiz (Henrique Luiz Levy) oferecia um "completo e variado sortimento de jóias" para os interessados, informando dois endereços para seus clientes: Hotel Lefèbre e Rua do Rosário, 2. Nesse último endereço, posteriormente, em parceria com Behrendt, Henrique Luiz Levy (Henri Louis Levy) instalou o "Ao Bouquet de Brilhantes", um estabelecimento que comercializava jóias provenientes da França e da Alemanha.

Porém, Henrique Luiz Levy ficou mais conhecido na história da cidade de São Paulo, com sua Casa Levy de Pianos, instalada na Rua 15 de Novembro 33, fundada em 1860. Segundo Heloisa Barbuy, o sobrado servia de estabelecimento comercial e moradia para a Família Levy.

Ainda no final do século XIX, estabelecimentos comerciais começavam a associar o nome de seus empreendimentos aos eventos culturais da cidade, por exemplo, em 1893, aconteceu o Primeiro Festival Alemão de Cantores do Brasil e os ingressos para o evento estavam à venda na Casa Levy; em 1890 e 1892, Benedito Calixto expôs seus quadros na Casa Levy.

Em 1902, a Casa Levy dividia o sobrado na Rua 15 de Novembro número 33, com a casa de modas Dona Juanita.

 

Fotografia de 1902, ao lado direito, a Casa Levy

FONTE DA IMAGEM: Fundação Energia e Saneamento

home      moyarte      não-diário      contato